10299134_587336484714923_1303925660550569129_n

Apenas um terço dos portugueses se sente na europa. Dois terços não estão nela porque portugal abalou, em jangada, para atracar num outro continente qualquer. Correcção: um terço dos portugueses foi dizer quem queria como deputado em sua representação, no parlamento europeu. Eu fui. Compreendo, no entanto, quem não esteve para isso. Compreendo perfeitamente aqueles dois terços que preferiram fazer  outra coisa qualquer porque qualquer coisa foi melhor do que ir votar. Estou com esses dois terços. Vou na sua jangada e atraco em qualquer outro continente porque qualquer um é melhor que este. Não acredito nesta europa, não acredito nas classes políticas nem nas suas políticas, acredito que existe uma manipulação desenfreada e perigosa à direita e à esquerda, enoja-me a maioria dos comentários que foram feitos e foi isso mesmo que fui lá dizer com o meu voto. Há, por isso, duas maneiras de dizer que estamos cansados, pelos cabelos e faros de aturar  estes badamecos, salafrários, oportunistas, ladrões de colarinho branco: uma é ir lá e votar em alguém que, mesmo sozinho, tem um perfil que nos agrada, por o vermos a desmascarar e a trazer uma lufada de ar fresco e outra é pura e simplesmente dizer:

“Europa? Qual?”

All original content on these pages is fingerprinted and certified by Digiprove