isabel da costa pinto sol

Foto de Isabel Costa Pinto

O verão é uma estação quente (frase à Cavaco). Todos sabemos o porquê, mas alguns insistem em parecer que não o sabem. É o sol – diria qualquer criança que já conseguisse expressar-se mesmo que fosse por gestos. E é. Mas homens que perdem essa ligação à diversidade do mundo natural perdem também parte da sua identidade. O tal “barulho” das cigarras é na verdade forte, mas poderemos chamá-lo realmente de ensurdecedor? Para isso teremos e fazer um pequeno exercício de memória e compará-lo a outros sons de que nos possamos lembrar. O barulho das cigarras é uma oração conjunta de agradecimento ao calor e ao sol, pelo seu nascimento, após eclodirem para fora dos ovos – lembremos que colocados ali por uma mãe que, à sua maneira, também ama. É uma sinfonia composta por vozes que nem sequer são iguais. Eu, que tento não perder essa ligação com o “alfabeto” da natureza pois permite-me descobrir novas palavras para me prenderem, à vida, pela raiz, dou por mim a pensar que os barulhos mais ensurdecedores que conheço são mesmo os feitos pelo homem em situações de revolta, angústia, dominação de uns aos outros. O homem, que sabe muito bem o que é uma guerra de ideias – seja ela por palavras ou não – arma-se destes recursos estilísticos para encobrir verdades muito mais profundas, todas cruéis, umas mais ignóbeis que outras, mas todas sempre muito humanas. O verão quente de setenta e cinco foi quente como tantos outros verões; as cigarras cantaram os seus humores com o ânimo do momento (no sentido de anima=alma), sincronizadas, saíram do chão todas ao mesmo tempo, para cerca de duas semanas de canto, acasalamento e nova postura de ovos; os homens, esses, por sentirem ameaçado o poder que nunca quiseram largar, fizeram em setenta e cinco o que fazem sempre: recorreram às armas e saíram à rua para o reaver. Imaginem se a porra aquecia mesmo. Não seria isso realmente ensurdecedor?

Cristina Brandão Lavender

All original content on these pages is fingerprinted and certified by Digiprove