O segredo do porquê

Do mistério guardado,

Profundezas do oceano

A sete chaves cerrado.

Desvendar o legado

No cume da montanha,

Nas águas da cascata,

No ventre materno,

Feto que esgravata

O espaço infinito

Nos corpos tão ternos,

Em abraços e sorrisos.

A homens serenos

Desvendar o sigilo,

Encontrar tal herança,

Festejar o porquê,

Do sucesso desse Alguém,

É sem mais nada

O gesto acertado

De se encontrar

e saber

Que o Legado

É o que é

Quando está só

Para ser achado

e poder SER

com os OUTROS.

(Nicha)

All original content on these pages is fingerprinted and certified by Digiprove